Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro, 2019

O Ano do Pensamento Mágico

Continuo sem perceber o que significa "Pensamento Mágico".

Em finais de Dezembro de 2003, nomeadamente no Natal, a filha de Joan Didion, Quintana, ficou gravemente doente e foi hospitalizada e colocada em coma induzido. Dias mais tarde, após visitar a filha, Joan regressa a casa com o marido, John Dunne, que colapsa no chão da sala e morre de imediato.
Este é um livro difícil para uma review, porque acho que as experiências pessoais com a perda e o luto se sobrepõem, de certa forma, à experiência de leitura; sim, este livro é sobre a dor da perda e do luto. É a viagem pessoal de Joan Didion após perder o seu marido e companheiro de mais de quatro décadas. A autora escreve sobre o seu processo pessoal de luto, o quanto lhe custou compreender a morte dele, na sua cabeça. É quase voyeurista.
Porque a perda não é sempre a morte - mas aqui, é. A morte do marido, que Didion compara com as mortes dos pais, pouco tempo antes. E a autora descreve como o luto e a perda são sentimento…

2019 | Novembro

Mês de muy parcas leituras.



Recebidos & Comprados
Mega remessa da G Floy com as mega novidades: Miss Marvel, vol. 3, Jessica Jones, vol. 2, Descender, vol. 4, Harrow County, vol. 6, o primeiro volume de Gideon Falls, de Jeff Lemire, Huck, de Mark Millar e Os Meus Heróis Foram Sempre Drogados, da dupla Brubaker & Phillips.
Uma novidade Cultura Editora que eu queria ler há anos, O Ano do Pensamento Mágico, de Joan Didion, um livro de não-ficção de uma autora que me desperta enorme curiosidade. Por último, da incrível promoção da Arte de Autor, Como Viaja a Água, de Diaz Canales, com um tentador desconto de 50%.

Lidos
Parcas leituras: terminei O Homem Revoltado, de Albert Camus.

Outros
Não é bem de Novembro, mas... já viram o meu desafio para 2020? Envolve ler um clássico por mês, em temáticas mensais que considero abrangentes. Adoraria partilhar estas leituras com mais pessoas.

DESAFIO | ler os clássicos 2020

Inspirada nalguns desafios de 2019, com temáticas mensais, decidi fazer o meu próprio"desafio" (numa escala muito mais humilde).

Para temática central, escolhi os clássicos. Assim, todas as escolhas têm de ter sido publicadas em 1970 ou antes (ou seja, livros com 50 anos ou mais - a definição de clássico é vaga, portanto decidi "cortar" assim as datas), havendo alguns desafios que mencionam datas de publicação específicas.
JANEIRO | Um clássico publicado antes de 1800.
FEVEREIRO | Um clássico russo.
MARÇO | Um clássico escrito por uma mulher.
ABRIL | Um clássico traduzido (escrito originalmente numa língua que não o português. Claro que podem ler traduções nas outras categorias).
MAIO | Um clássico do séc. XX (publicado entre 1900 e 1970).
JUNHO | Um clássico de ficção científica ou fantasia.
JULHO | Um clássico asiático ou africano (para fugir ao cânone ocidental).
AGOSTO | Um clássico do séc. XIX (publicado entre 1800 e 1899).
SETEMBRO | Um clássico de não-ficçã…